“Luzes” traz o artista Jérôme Poignard em mostra de cores e inspiração

“Luzes” traz o artista Jérôme Poignard em mostra de cores e inspiração. Artista Poignard no Centro Cultural Correios RJ, com curadoria de Marcia Marschhausen.

A mostra, que traz imagens do mundo e do Rio , transporta o espectador por uma viagem entre a realidade e a inspiração.

O conceituado artista francês,  Jérôme Poignard, radicado no Brasil,  apresenta a exposição “Luzes”, com curadoria de Marcia Marschhausen, trazendo 40 aquarelas de paisagens urbanas do mundo, além de telas em acrílico, marcadas pela beleza dos traços espontâneos, cores e luzes, próprios de seu estilo, que convidam o espectador a viajar pelos cenários e pelas histórias que as obras contam, criando sensações que transportam para uma outra realidade. “Luzes” é a  ligação entre o criador e a criação, entre o olhar e a inspiração.

Jérôme Poignard é artista plástico, designer e ilustrador, francês da cidade de Fontainebleau e que, após muitas viagens, escolheu o Rio de Janeiro como fonte de grandes inspirações para suas pinturas e um bom lugar para viver. Pinta paisagens urbanas de Londres, Paris, EUA, São Paulo e Rio de Janeiro, na técnica da aquarela, ajudando a entender e a apreciar os espaços privilegiados de grandes cidades por onde já passou. Já realizou exposições em vários países como a da galeria Monsartstage (Piazza Navona), em Roma/Itália. 
 No Rio de Janeiro montou a Pointillé, uma agência focada em branding, design estratégico e comunicação digital. Seus clientes corporativos incluem HSBC, Petrobras, ICAP, Planner, L’Oréal, Michelin, entre outros. Criou várias capas de livros e discos para produtoras como Sony Music, Universal, além de várias editoras.  Foi durante  a pandemia que começou a pintar as aquarelas que compõem a exposição “Luzes”. 

“Apreciar pinturas iluminadas sempre faz bem para o  olhar e para a alma. Após o período de sombras, medo e confinados, sem poder viajar, é um alívio poder retornar aos espaços culturais e  passear por temas universais, que nos colocam frente a frente com produções artísticas de boa qualidade. Além disso, nesta técnica, a espontaneidade e a rapidez na execução são importantes, uma vez que o pincel entrando em contato com a superfície do papel não há retorno para conserto”, explica Jérôme.

A exposição “Luzes” pode ser visitada a partir de 28 de março, no Centro Cultural Correios RJ, até o dia 15 de maio de 2024.



Sobre a exposição

A exposição “LUZES” nos transporta por um cenário deslumbrante composto por 40 obras meticulosamente criadas por Jérôme Poignard, incluindo aquarelas e telas maiores em acrílico. Originário da encantadora Fontainebleau, na França, Jérôme encontrou no Rio de Janeiro e em Teresópolis fontes de inspiração vibrantes para suas obras, além de locais ideais para viver e criar. 

Com uma técnica refinada, ele captura paisagens urbanas de cidades emblemáticas como Paris, Rio de Janeiro, São Paulo, Londres e pontos nos Estados Unidos, imortalizando-os na delicadeza da aquarela. Suas exposições na França, Itália (incluindo Roma, na prestigiada galeria Mosarte Stage, localizada na Piazza Navona), e no Espaço BB Artes, no Cassino Atlântico, refletem sua habilidade singular em transmitir a essência dos espaços urbanos mais emblemáticos por onde passou.

Por meio da sutileza, suavidade e meticulosa seleção de cores e luzes, Jérôme convida o espectador a mergulhar e apreciar essas obras que revelam o encanto e a efemeridade dos locais que habitamos e frequentamos cotidianamente.

Através das obras, Jérôme Poignard nos leva a imaginar cenários, contemplar a beleza e ir além…

Instagram: @poijerome 

Serviço
Exposição: “Luzes”Artista: Jérôme Poignard

Visitação: 28.03 a 15.05.24

Dias e horários: de terça a sábado, das 12h às 19h

Local: Centro Cultural Correios RJ – Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro – RJ

Curadoria: Marcia Marschhausen

Assessoria de Imprensa: Paula Ramagem

A exposição tem como público-alvo empresários, profissionais liberais, colecionadores, professores, estudantes e público em geral.

Evento gratuito

Censura Livre.

Como chegar: metrô (descer na estação Uruguaiana, saída em direção à Rua da Alfândega); ônibus (saltar em pontos próximos da Rua Primeiro de Março, da Praça XV ou Candelária); barcas (Terminal Praça XV); VLT (saltar na Av. Rio Branco/Uruguaiana ou Praça XV); trem (saltar na estação Central e pegar VLT até a AV. Rio Branco/Uruguaiana). 

Acessibilidade

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *